quinta-feira, 8 de setembro de 2016

347 - Livro de Miqueias: Obras que ajudam a conhecer o profeta Miqueias.





Defesa da Família: Casa e Terra, Entendendo o Livro de Miqueias

Escutem bem, chefes de Jacó, governantes da casa de Israel. Por acaso, não é obrigação de vocês conhecer o direito e a justiça? Vocês são gente que devora a carne do meu povo e arranca suas peles" (Mq 3,1-3). "O que Javé exige de você: praticar o direito, amar a misericórdia, caminhar humildemente com o seu Deus" (Mq 6,8). Pisando no chão sagrado da comunidade do profeta Miqueias e da tradição que se formou ao seu redor, encontramos um grupo profético que defende a justiça, o direito e a misericórdia. Que o estudo e a reflexão a partir do livro de Miqueias nos inspire na construção do Reino da Vida: "Toda a humanidade, como uma família com a casa comum, deve respirar junto com a terra, a mãe planeta".
p. 128
Paulus


Miqueias: memórias libertadoras de um líder camponês
Luiz Alexandre Solano Rossi

Miqueias: memórias libertadoras de um líder camponês é um subsídio para o Mês da Bíblia 2016. É um livro em forma de convite para que o leitor se insira no mundo do profeta Miqueias e faça os caminhos dele na defesa dos mais fragilizados e sempre à procura de ações solidárias com aqueles que experimentam a violência e a opressão. Durante esse percurso será sempre necessário perguntarmo-nos como a mística profética se manifesta em nosso modo de ser e de viver como discípulo e missionário de Jesus Cristo.
A expectativa de Miqueias é a de uma sociedade fundamentada na prática do direito e da justiça, isto é, na preservação e na promoção de ordenamentos sociais que são vitalmente necessários para a construção da comunidade. No entanto, o que ele constata é uma sociedade construída a partir de privilégios de alguns em detrimento da pobreza de todos os outros.
Diante do caos social e de ações predadoras dos mais fortes em relação aos mais fracos, torna-se essencial recuperar as memórias de libertação de um camponês que nos convida a caminhar com os fragilizados em direção a Deus.
Livro indicado para as pessoas e grupos que desejam aprofundar o tema do Mês da Bíblia 2016. 
p. 168
Paulinas


Como ler o livro de Miquéias
Ivo Storniolo, E. M. Balancin

Miquéias é o porta-voz dos direitos dos camponeses e o profeta que se posiciona contra o latifúndio e contra a exploração da cidade sobre o campo. Esta é a chave de leitura que o presente livrinho oferece, possibilitando ao leitor chegar ao núcleo da mensagem de Miquéias e descobrir o seu significado para o nosso tempo.
Paulus
p. 44


Profecia em defesa da vida: círculos bíblicos sobre o livro de Miqueias
Mercedes Lopes
Diante do contexto do mundo atual, com massacres e guerras que obrigam milhares de pessoas a deixarem seus territórios de origem e migrarem para outros países em busca de vida, fica evidente atualidade da profecia de Miqueias, que diz: "Eles forjarão de suas espadas arados, e de suas lanças podadeiras. Uma nação não levantará a espada contra outra nação e não se prepararão mais para a guerra (Mq 4,3b.
Com este subsídio, pode-se fazer a reflexão da vida e da Bíblia com a proposta de 7 círculos bíblicos sobre o livro de Miqueias.
p. 48
CEBI


O Profeta Miqueias: a esperança é a última que morre
“Praticar o direito, amar a misericórdia, caminhar humildemente com o seu Deus” (Mq, 6,16)
Francisco Orofino
Carlos Mesters

O livro sobre o profeta Miqueias será estudado e meditado no mês da Bíblia em 2016. Apesar das poucas palavras escritas pelo profeta (apenas sete capítulos), sua personalidade forte fez e faz com que seus escritos sejam lembrados até hoje.  Miqueias foi um homem do povo, que lutava contra as injustiças e pelos oprimidos. O texto nos diz que Miqueias recebia suas missões através de visões sobre a palavra de YHWH. As palavras de Deus para Miqueias não eram sobre seu próprio destino, mas sim, para os governantes e habitantes de Samaria e Jerusalém.

Escrito por Carlos Mesters e Francisco Orofino, o livro nos permite um aprofundamento na leitura dos capítulos de Miqueias em relação ao momento atual vivido no país. As reflexões do profeta fazem prosperar o sentido de justiça e defesa dos direitos humanos, mesmo frente à situação de injustiça e desigualdade que enfrentamos no país. 
p. 40
CEBI


Meu Povo em Miquéias
Milton Schwantes

Partindo da temática “povo” e “povo de Deus”, muito em voga no atual contexto latino-americano, o autor estuda detalhadamente a expressão “meu povo” no livro de Miquéias, além de oferecer uma orientação geral sobre a pessoa e a mensagem deste profeta. Conclui que, em Miquéias, “meu povo” é vítima dos responsáveis pela maldade reinante. Com este povo o profeta se sabe solidário. Este é o povo do profeta e o povo de Deus, que sofre de modo bem concreto. Por isso, “meu povo” não são apenas os fiéis seguidores do Senhor, mas os/as pobres e explorados/as, os/as lavradores em fase de empobrecimento. Além disso, “meu povo” são também os moradores de Jerusalém acossados pelo exército inimigo. Assim se evidencia que o cerne de “meu povo”, do povo de Deus, são as pessoas fracas. E esta é uma tendência de todo o Antigo Testamento, que testemunha o Deus que liberta escravos e oprimidos - homens e mulheres.
p. 24
CEBI



Vida Pastoral
Setembro/Outubro-2016












David Rubens

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger.../>